terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Joyland (Stephen King)


King é taxado com o "mestre do terror" mas se você pensa que vai encontra esse gênero em Joyland, vai ficar surpreso pois ele passa longe.
    Ok, tudo bem temos um assassinato que aconteceu no parque (que dar nome ao título) onde a jovem Linda Grey (calma isso não é spoiler)
foi assassinada, mas é só isso. 

    O personagem central  chama-se Devin Jones, um jovem universitário que após o fim de seu relacionamento com a namorada decide trabalhar no parque.




    Todos os personagens são bastantes carismáticos e a trama é muito envolvente. Nosso herói vai se relacinando cada vez mais no caso do assassinato e descobrindo novas amizades. 

    O livro possui 239 páginas, fiquei um pouco surpreso, pois geralmente os livros de King são bem grossos mas esse ele segue a trama de uma forma mais direta.




Uma leitura leve e ao mesmo tempo bonita e triste que nos mostra que a vida pode passar rápida e se a gente não aproveita ela....o tempo passa e não vivemos o suficiente.

    Devin aprendeu muito durante seu tempo trabalhando em Joyland, coisa que você leitor pode aprender também.

Quer saber mais sobre Stephen King?
Cujo

Sobre a Escrita
Carrie A Estranha

Nenhum comentário:

Postar um comentário